Le Cimetière Marin - Cemitério marítimo

Fotos

cimetiere-marin-service-communication-ville-de-setecimetiere-marin-service-communication-ville-de-sete-3-copier-2420cimetiere-marin-service-communication-ville-de-sete

Presentation


Por volta de 1680, o cemitério Saint Charles foi criado para receber os primeiros trabalhadores mortos no estaleiro de construção do molhe Saint-Louis.

Revela a diversidade dos povoamentos da vila ao longo dos séculos seguintes e foi aumentado em parcelas sucessivas, sendo uma delas reservada à comunidade protestante, cujo papel foi essencial para o desenvolvimento do porto nos séculos XVIII e XIX. É igualmente apelidado de “cemitério dos ricos”, em oposição ao "cemitério dos pobres", situado em frente ao lago de Thau (onde jaz Georges Brassens).

Diversas sepulturas lembram a vocação marítima da vila, tal como a dos pilotos desaparecidos quando socorriam um navio em perigo ou ainda a do jovem aspirante da marinha Eugène Herber, morto em Pequim em 1900. Outras testemunham a notoriedade de personalidades de Sète assinaláveis, como o ministro Mario Roustan, o dramaturgo Jean Vilar, etc.

A 7 de agosto de 1945, o cemitério Saint-Charles passou a ser denominado Cemitério Marítimo, em referência ao célebre poema de Paul Valéry.
 

Contacto
Office de Tourisme de Sète
60, Grand'Rue Mario Roustan
34200
SETE
Phone : +33 4 99 04 71 71
mail / message
FICHE_INFO_SIMPLE_ECRIRE_MESSAGE
Meu pedido
Meu info
FICHE_INFO_SIMPLE_LIBELLE_DESTINATION
34200
SETE
coordenadas GPS
Latitude : 43.39471
Longitude : 3.69172